sexta-feira, 22 de outubro de 2010

O que significa a Mocidade, para você?

Todos os sábados nos reunimos na Casa de Scheilla para, com muita alegria, cantar, orar e estudar a doutrina espírita. Este momento da semana é, para muitos, ansiosamente esperado. Mas... o que faz este momento ser tão especial? A Mocidade tem algum significado para os jovens que dela participam?

Comentem, nesta postagem, respondendo à pergunta:

O que significa a Mocidade, para você?

O autor da melhor resposta vai ganhar como prêmio um livro do André Luiz.

As respostas podem ser postadas até 03/12/2010. O resultado será anunciado no blog e na reunião da Mocidade no dia 04/12/2010.

Contamos com a participação de todos!!!

14 comentários:

  1. Thiago Henrique Justino. Ciclo 3.

    A mocidade para mim significa sem sombras de dúvida um propósito de vivenciar os princípios morais contidos na Doutrina dos Espíritos, codificada por Allan Kardec e dentre os inúmeros livros ditados por espíritos bastantes evoluídos que vem através de suas obras instruir seus irmãos rumo a marcha da evolução, tais autores espirituais posso mencionar como exemplo são: Emmanuel, André Luiz, Lancellin, Joanna de Angelis etc... Assim a mocidade me proporciona ganho de experiência adquirida pela vivência dos princípios da Doutrina e o conhecimento obtido pelas demais obras, onde é possível confraternizar com os amigos que freqüentam a mocidade as mensagens e conhecimentos delas obtida.

    ResponderExcluir
  2. A mocidade para mim é mais que "o grupo de jovens da instituição espírita", é o local em que encontramos com amigos, pessoas com as mesmas dificuldades que as nossas e podemos, trocando experiências, descobrir como "estar no mundo sem ser do mundo". O local em que o jovem tão cansado de escutar "faça pq é certo" seguindo dogmas, compreende verdadeiramente as razões por trás da lei de Deus e sua beleza imutável. Onde não aprendemos DE alguém que nos é superior, mas COM um irmão que tbm espera aprender.

    ResponderExcluir
  3. Tiraremos nosso coração num ato supremo de amor, e teremos ofertado muito pouco.
    Escreveremos epopeias de eterna gratidão em todas as palavras de todas as línguas existentes e teremos feito muito pouco.
    Entoaremos as mais divinas melodias, nascidas nas paisagens misteriosas do nosso ser
    E não teremos feito nada.
    A nossa MOCIDADE é porto seguro de paz em meio as tormentas da insensatez
    Fonte de trabalho maior, de terra fértil, de sol glorioso e fecundo
    Lírio suave de luz e amor a nascer no pântano da nossa triste dor
    Portal perene de esperança e de eternas alegrias,
    A nos falar todo dia dos trilhos da ascensão nas bênçãos de cada hora
    Que nos pede a cada paço para construirmos mais um laço de vida carinho e emoção
    Nos convida a buscar um certo nazareu, que de um pequeno mar teceu
    Roteiro certo e infalível a nos guiar destemido rumo à nosso destino nas paragens da perfeição...

    ResponderExcluir
  4. Desculpa aí galera, errei quando escrevi "paço" com "ç"
    que significa palácio, quando deveria ter escrito com "ss" que é de caminhar... rsrrsrs

    ResponderExcluir
  5. Em uma palavra, eu diria que a mocidade é oportunidade...

    Oportunidade única de integrar um lindo grupo, no qual o trabalho e o aprendizado são bênçãos constantes.
    De desenvolver a capacidade de partilhar o amor que temos em nossos corações.
    De conhecer pessoas que nos fazem acreditar que esse nosso mundo, tão bagunçado, ainda tem jeito.
    Oportunidade de crescimento seguro, alicerçado na base sólida dos ensinamentos do nosso amado mestre Jesus.

    ResponderExcluir
  6. A Mocidade Espírita é o lugar onde o jovem trabalha o 'homem velho'. Lugar pra parar, pedir licença ao mundo e meditar em grupo. Rever posturas, significados e, com um toque de amizade, consciência e fé, começar uma grande reforma na intimidade.

    Este movimento pode durar até mais de uma encarnação, mas, sendo o espírito eterno e destinado a avolução e ao encontro com o Pai, o tempo é o que menos importa.

    O que fica é o bem que fizemos aos outros e, principalmente, a nós mesmos.

    ResponderExcluir
  7. Um divisor de águas... Um dos presentes mais maravilhosos de Deus em minha vida... Uma oportunidade preciosa de ser melhor e fazer melhor aqueles que comigo convivem... A Mocidade é como minha segunda casa, um ambiente repleto de amor, amizade e trabalho. Onde me sinto em paz junto aqueles que tanto representam para minha vida. Oportunidade de estar mais junto de Deus e de nós mesmos... Grande parte de tudo que hoje sou!

    ResponderExcluir
  8. A Mocidade é o encontro da paz com a alegria.

    É ter amigos que rimam com nossos própositos e olhares que incentivam o melhor viver!

    É reduto de conhecimento e emoções, onde cada um contribui como pequena estrela no iluminado céu de Maria!

    Obrigada amigos na Moc!
    Eneida Vieira de Oliveira

    ResponderExcluir
  9. A mocidade representa ao mesmo tempo uma redoma e um trapolim. Como redoma, sinto que a vibração do ambiente, ótimo caráter dos amigos, a qualidade dos estudos e as oportunidade de trabalho ajudam como proteção ante os elementos desequilibrantes externos e como direcionador dos pensamentos para aquilo que é belo, bom e correto. Como trampolim, sinto que ela impulsiona a voos mais altos e seguros em espiritualidade consciente e digna. Que bom que ela existe (e que bom ser convidado para ela como colaborador, vez por outra...) Um abraço apertado a todos!

    ResponderExcluir
  10. A Mocidade Espirita Maria João de Deus - MEMJD, significa para mim:
    Vida;
    Alegria;
    Amor;
    Novos conhecimentos;
    Autoconhecimento;
    Descobertas grandiosas;
    Preparo para gerar e colher bons frutos;
    Prazer e oportunidade de compartilhar um abraço fraterno e caloroso com o próximo;
    Experiência de Vida;
    Alimento do Espírito;
    Coragem;
    Dever promissor para com o próximo e para comigo.

    ResponderExcluir
  11. É como um campo dedicado à plantação onde tenho a oportunidade de unir meu coração à companheiros tão queridos para semear... é onde tenho a oportunidade de regar as sementes com o aprendizado e estudo da doutrina espírita... é onde colho os frutos do autoconhecimento e de melhor compreensão da vida, frutos esses que alimentam minha alma e me fazem acreditar em uma base sólida e firme, o amor de Cristo por nós...

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. É difícil dimensionar com palavras a importância da Memjd em minha vida... divisor de águas, lugar de encontros e reencontros, seara de trabalho, campo fértil para amizades verdadeiras, oportunidade sublime de estreitar os verdadeiros laços afetivos entre dois corações!

    E no meio de todos esses sentimentos e experiências, o amigo Jesus, presente em todos os momentos, com seu braço fraterno, seu ombro amigo, sua palavra doce, seus ensinamentos precisos, despertando alegrias e, quando necessário, lágrimas que fertilizarão para sempre as boas sementes que já brotam em nossos corações.

    Ao passarmos pela Memjd é como se nos momentos mais importantes da nossa vida, uma voz serena de mãe, sussurrasse sempre aos nossos ouvidos: “... meus jovens não falharão!”

    Segue link de um vídeo da MEMJD que retrata bem o que estou falando (aumente o som!):
    http://www.youtube.com/watch?v=5IUi9NUa7QI

    ResponderExcluir
  14. Guilherme Oliveira Souza6 de dezembro de 2010 10:57

    A MEMJD é raio de luz que clareia minha jornada compondo uma aurora de alegria,estudo,amizade e trabalho, triunfando no nascer de sentimentos e vibrações de misericórdia, piedade e amor rumo a Jesus.......

    ResponderExcluir